Notícias

Niterói ganha mais de 12 mil mudas de espécies da Mata Atlântica

Niterói, 18/11/2017 12:21:12

A Prefeitura de Niterói dá início, em dezembro, à reposição florestal para compensação ambiental pelas obras da Transoceânica. Ao todo, serão plantadas cerca de 12.500 mudas de Mata Atlântica, em 48 mil metros quadrados de áreas da Montanha da Viração, que integra o Parnit (Parque Municipal de Niterói - Unidade de Conservação de Proteção Integral).


A empresa que executará os serviços já foi anunciada, o contrato para execução do serviço, assinado, e em dezembro começa o plantio em áreas de Jurujuba e Charitas, na Zona Sua da cidade. Serão plantadas mudas de espécies como araçás, aroeiras e camboatá. A manutenção da área será feita por 4 anos após o plantio.

A expectativa é de que a recomposição florestal contribua para a diminuição dos riscos de propagação de incêndios florestais e promova o uso e ocupação do solo de forma adequada, evitando o crescimento urbano desordenado.

O secretário municipal de Meio Ambiente de Niterói, Eurico Toledo, explicou que, para escolha dos trechos de plantio, foi feito um estudo de todas as áreas do Parnit que foram impactadas com a obra. Ele ainda frisou que a reposição faz parte de uma série de iniciativas municipais ligadas à sustentabilidade.   

"Esse replantio dá continuidade ao trabalho feito pela Prefeitura para compensação ambiental pelas intervenções feitas na cidade, e reafirma o compromisso da atual gestão com o meio ambiente", pontuou.

A TransOceânica é um projeto de sustentabilidade urbana baseado no transporte coletivo que tem na sua concepção a redução no número de deslocamentos em transportes individuais e, consequentemente, a redução de emissão de carbono. A intervenção prevê uma série de cuidados com o meio ambiente durante a execução da obra e após a conclusão, sendo todos voltados para uma cidade mais sustentável.

Comentários